Tofu com agriões e um convite para jantar


Como já é habitual hoje trago mais um convidado para jantar. Desta vez na edição Abril/Maio da nossa Anasbageri, quem convida é a Receitas do Menu verde, um blogue que está cheio de boas sugestões vegetarianas.

Nesta edição o jantar será oferecido a Realizadores de Cinema. Assim que li o novo tema na minha cabeça surgiram tantos nomes que, por segundos, tive de me sentar e reflectir no que realmente gosto. Porque são tantos filmes que adoro e mais uns quantos que vou adorar até ao final da vida de certeza: Uns pelo argumento; outros pelas interpretações dos actores; outros pelo final e etc. Depois cheguei à conclusão que existe um realizador do qual eu não consigo meter qualquer defeito, porque tudo o que este senhor "toca" para mim é arte.

Hoje, jantei com Alejandro González Iñárritu. Para quem não conhece este realizador nasceu no México em 1963, onde estudou Realização de Cinema e Teatro, tornou-se em 1990, um dos mais jovens produtores da televisão mexicana. A sua primeira média-metragem, “Detrás del dinero” foi produzida em 1995. Mas foi o filme “Amores Perros” que se tornou um grande sucesso aquando o seu lançamento no Festival de Cinema de Cannes, tendo sido nomeado para um Óscar de melhor filme estrangeiro e depois disso, vieram e virão muitos mais. Filmografia aqui.

Como já disse anteriormente, tudo o que ele realiza para mim é perfeito, todos os pormenores fazem sentido nos filmes: a banda sonora; a luz utilizada em cada filme; a fotografia; os actores, tudo, tudo e tudo! Se nunca tiveram oportunidade de ver a obra deste senhor, e se gostam de filmes com temas fortes que vos vão fazer pensar na vida? Vejam pelo menos estes três: Amores Perros, 21 Grams e Biutiful, são para mim, os mais marcantes da carreira deste realizador e com ele trazem uma das melhores interpretações dos meus actores preferidos: Benicio del Toro, Gael Garcia Bernal e Javier Barbem.

O jantar foi servido, ao som da banda sonora do filme 21 gramas, que eu ouvi vezes sem conta depois de ter visto o filme pela primeira vez. Falámos dos filmes, da escolha dos actores, do que o levou a gravar determinada cena, da escolha dos países onde grava, das cores, da banda sonora escolhida... conversa não faltou no nosso jantar. No final, aposto que ele se ia render à nossa cultura e o próximo filme poderia ser rodado nas misteriosas ruas de Alfama ou na zona ribeirinha do Porto. OK, isto já só eu a sonhar demais! :)

A pedido do blog anfitrião a receita devia ser sem carne, sem e peixe e com muito verde, por isso aqui deixo a minha proposta.


Ingredientes:
350 grs de tofu
3 chav. de folhas de agrião fresco
10 ramas de cebolinho
2 colheres de sopa de azeite
3 colheres de sopa de água
sal, pimenta e mostarda de moer, cravinho em pó q.b.
sementes de sesamo brancas tostadas e pretas q.b.
4 folhas de endívias

Comece por tirar o excesso de água do tofu, pressionando um pouco, eu fiz a técnica deste vídeo, mas acho que me excedi nos livros e acabou por ficar sem a forma de rectângulo :). Depois de seco, esfarelei o tofu e levei a uma frigideira anti aderente sem qualquer gordura e salteei uns minutos até começar a ficar douradinho, temperei com pimenta, mostarda, o cravinho em pó e reservei.

Numa liquidificadora/processador colocar o agrião com o azeite, o sal, o cebolinho e as colheres de água. Processar tudo muito bem até obter um liquido tipo néctar, verificar o tempero e levar ao lume médio/baixo uns 2 minutos junto ao tofu, se notar que fica muito seco pode colocar mais umas colheres de água.

Servi o tofu em umas folhas de endívia, com umas Para beber uma água aromática com hortelã, pepino, limão e mirtilos.


Antes de me ir embora deixo também este anuncio assinado por ele, que descobri agora.

16 comentários:

  1. Não conhecia, e já espreitei o anúncio, muito bom. A sugestão é fantástica, bem colorida e saudável. Fotos fantásticas como sempre.

    ResponderEliminar
  2. Gostei muito da tua sugestão. Muito adequada ao blog da Pami.
    Mas ainda gostei mais da escolha do realizador. Tal como tu, adoro toda a filmografia do Iñárritu. Alguém consegue ficar indiferente aos filmes dele? Além disso tem o bom gosto de convidar tantas vezes o Gael. Vontade irresistível de rever alguns...
    Bom fim de semana.
    Guida

    ResponderEliminar
  3. 1º esse serviço de louça vermelho é divinal.
    2º adorei as fotos
    3º com este calor, também tenho andado empenhada em inventar águas aromáticas que são óptima opção aos refrigerantes.
    4º espero encontrar-te no workshop de food photography

    :)

    um beijinho

    ResponderEliminar
  4. A Tua Marmita, livro que sigo atentamente há algum tempo. Gosto das cores, das disposições e da comida.
    E não te fiques por essa só de tofu, tenta esta, muito simples: [http://ventoencanado.com/receitastotos/salada-de-tofu-com-cogumelos-salteados/]

    ResponderEliminar
  5. Vi o "Amores perros" e acabei por comprar o DVD porque é, a meu ver, um filme de colecção e para rever. Não fixei o nome do realizador, o que é uma injustiça, diga-se. Ainda bem que veio a este jantar. De futuro estarei bem mais atenta.
    Gostei muito desse tofu.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Ahhh! Eu adoro Iñarritu! Magnifica a maneira como os seus filmes se desenrrolam, surpreendentes até ao último minuto! Adoro filmes assim peça por peça, onde no fim todo o puzzle toma sentido... Grande bem haja por o teres covidado.
    Adorei a simplicidade e beleza do teu jantar! :)
    beijinho*

    ResponderEliminar
  7. Querida Marmita,
    adoro, adoro, ADORO as fotos!
    Os pratos são lindoooooos e a receita deixou-me a salivar!
    é verdade, parece que combinámos hehehe pelo menos não escolhemos o mesmo realizador. Não conheço muito o trabalho do Alejandro, apenas o 21 gramas, que adorei :)
    beijinhos e um óptimo fim-de-semana!
    (já disse à Ginja, temos de fazer um pic nic :Dhehehe)

    ResponderEliminar
  8. Marmita,
    adoro o teu convidado! Conheço bem os seus filmes e o 21 grams e Amores Perros estão dentro dos meus favoritos. Uma bela escolha também na refeição, bem verde e a loiça linda :)
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  9. Parabéns por este magnífico post, adoro os sabores do México. Conheço mal a obra do realizador mas fiquei muito desperta para o desvendar.

    Beij
    MM

    ResponderEliminar
  10. Hummm cada foto linda!!! Delicia!


    Carla Colombo
    www.brisandonacozinha.blogspot.com

    ResponderEliminar
  11. Uma excelente escolha, tanto do convidado como do prato. bjs

    Ana

    ResponderEliminar
  12. Uma receita perfeita para o realizador genial ,"el negro" é também dos meus preferidos e o Bernal é sem dúvida o meu ator preferido ;)
    Brilhante!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Marmita,
    Como sempre é um prazer visitar o teu blogue, não me canso de ver as tuas fotos. Desta vez o encanto foi redobrado, primeiro porque adorei a tua escolha. O Amores Perros está no meu top10! Não me canso de o ver, embora acabe sempre na choradeira, admito.
    Obrigada por partilhares com detalhe tb a preparação do tofu, um dos ingredientes ao qual quero dar uma segunda oportunidade brevemente. Gostei mt da receita, e penso que é mesmo o que a Pami gostaria tb de comer.
    bjs e boa semana!

    ResponderEliminar
  14. Olá Marmita,
    Adoro "Amores Perros" e "21 g"! Que escolha fantástica foi este teu convidado.
    Já todos disseram, mas vou repetir... as fotos são maravilhosas!
    A receita do tofú levo-a comigo, mais uma forma diferente para o reparar, curiosamente também entrou no jantar que elaborei para o meu convidado!
    Bjs

    http://tentacoesobreamesa.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Marmita, que visão linda desse menu!
    Chego cá e fico logo embevecida com as tuas sugestões, sempre tão originais e bem apresentadas!!
    Não conheço muito desse realizador, mas tenho muita curiosidade para ver o filme Biutiful e agora fiquei também com vontade de ver o Amores Perros:)
    Adorei esse jantar!!
    Beijinhos:)

    ResponderEliminar
  16. Hum, uma receita de tofu bem ao meu gosto :)
    Adorei o toque crocante das sementes de sésamo e o "pesto" de agriões a envolver e a dar sabor ao tofu... Deve ser uma delícia!

    ResponderEliminar

Muito obrigada por visitarem a minha Marmita!